RETIRO DE LÍDERES DE ENSINO EM BOM RETIRO DO SUL

RETIRO DE LÍDERES DE ENSINO EM BOM RETIRO DO SUL

Retiro de Líderes de Ensino em Bom Retiro do Sul: no Vale do Taquari, onde uma catástrofe climática recentemente destruiu de forma terrível cidades e natureza, a glória de Deus se manifesta para restaurar e fortalecer vidas!

Sábado, 1º de junho de 2024. O sol recém se erguia no céu, enquanto supervisores, encarregados de ensino e líderes de pilar infantil começavam a chegar no sítio de Bom Retiro do Sul, para participarem de um evento especial – o Retiro de Líderes de Ensino 2024. Foi um retiro especial, pois muitos irmãos gaúchos haviam sido atingidos pela pior enchente da história do Rio Grande do Sul, que deixou centenas de municípios afetados e milhares de pessoas desalojadas. Quem não foi atingido estava dedicado a ajudar aqueles que foram, fazendo com que diversos líderes justificassem sua impossibilidade de presença. Por isso, a Superintendência de Ensino custeou todas as despesas com as
acomodações na casa de retiro e a maravilhosa alimentação de encerramento do jejum no domingo ao meio-dia. Mesmo diante de tantas dificuldades, dezenas de irmãos e irmãs, provenientes de diversas regiões do Rio Grande do Sul (Litoral Norte, Serra, Missões, Nordeste, Alto
Uruguai, Vale do Taquari, Vale dos Sinos e Caí, Vale do Paranhama, Reserva Indígena Caingangue Pedra Lisa, Porto Alegre e regiões Entorno Leste e Entorno Oeste), além de Santa Catarina, estiveram presentes. Logo na chegada, os irmãos se uniram em oração, com o Pastor James Schimitt, Superintendente do Departamento de Ensino, realizando depois uma oração para dar início ao retiro, antes de direcionar os irmãos a que organizassem suas bagagens nas acomodações do estabelecimento. Quando todos retornaram, o pastor fez uma breve reflexão baseado em Apocalipse capítulo 9 dos versículos 1 a 6, falando sobre a recente catástrofe no estado do Rio Grande do Sul e guiando uma oração de guerra e combate espiritual, pelos irmãos afetados pelas enchentes e também pelo país. Após mais um período de oração, já às 13h50min, pastor James pediu que os irmãos se apresentassem – dizendo seus nomes e identificando as respectivas áreas onde congregam –, apresentando também a equipe da secretaria de Ensino. Então, falou sobre o projeto “A Arca da Aliança em Minha Casa”, que tem como propósito ajudar a estabelecer uma rotina espiritual para as famílias. Ele falou sobre os pilares do projeto – oração, meditação, leitura bíblica, e leitura da revista da escola bíblica, dissertando sobre o funcionamento dos devocionais e sobre a importância de uma estrutura espiritual para a unidade e bom funcionamento da obra de Deus e da unidade da família. Foi dedicado um tempo, na oportunidade, para o planejamento do Congresso Geral Infantil 2024, que ocorrerá no Vale da Oração no dia 12 de outubro. Diversas estratégias
foram estabelecidas, e todos sentiram a aprovação divina, com apoios em todas as áreas, inclusive financeira, confirmados ainda durante o retiro.

Após um novo período de oração, o pastor James falou sobre o trabalho com os adolescentes, citando as experiências e aprendizados adquiridos com os eventos passados, e falando sobre os aprimoramentos que serão aplicados em relação à logística
e organização do próximo L.A.R (Lucubratório Apologético Restauração). A palavra foi passada ao irmão Ronei Mascheville, líder do Central de Adolescentes da Sede Geral, vinculado atualmente à Superintendência de Ensino, que falou um pouco mais sobre o tópico, explicando a finalidade e objetivos do projeto e da central em si, e também introduzindo o curso “Superando Desafios – preparados para a guerra”, também realização da Central. A irmã Isabel Cristina Schimitt, primeira professora do curso, deu sua palavra discorrendo sobre o processo de formação e sobre a dinâmica das aulas, enfatizando a relevância deste trabalho na adolescência, sendo ele um pré-requisito obrigatório para ingressar tanto na Central de Adolescentes quanto na Juventude, conforme estabelecido em decisão Convencional.

O irmão Ronei retomou a palavra, falando sobre dinâmicas como o trabalho da “Manhã Missionária” realizado na Sede Geral pela central, com a participação especial de filhos de missionários relatando suas experiências pessoais e orientando sobre a dinâmica de evangelismos e missões. Ele falou ainda sobre outras atividades disponibilizadas pela central, como os EBAs (Estudos Bíblicos Aplicados), e sobre como se dá a estruturação do pilar – partindo da Superintendência de Ensino. A palavra foi devolvida ao pastor James, que ressaltou a importância da realização deste trabalho não só na Sede, mas para os adolescentes em todas as áreas. Na ocasião, o Evangelista Rubem, encarregado da área da Boa Vista do Incra e supervisor de ensino da Região Missões, trouxe a mensagem final, lendo o livro Levítico no capítulo 18 e versículos 1 a 5, refletindo sobre a importância de guardarmos os mandamentos e estatutos do Senhor, pois obedecê-Lo é amá-Lo. Relatou vários testemunhos do que Deus está fazendo na área que dirige e ressaltou que, quando nos colocamos na dependência de Deus e deixamos que Ele conduza nosso caminho, Ele é fiel para nos guardar e guiar pela Sua boa, agradável e perfeita vontade.

No final do dia, após o pastor James realizar a oração de encerramento, os irmãos se dirigiram aos seus dormitórios para uma noite de sono reparadora, esperando pela manhã seguinte que prometia mais ensinamentos valiosos da parte de Deus. Pela manhã, a partir das 08h30min, os irmãos se dedicaram a um período de oração, até às 10hs. O pastor James fez uma breve apresentação de alguns materiais, como a revista
para o curso Superando Desafios e o Manual do Professor, além de anunciar a próxima revista de escola bíblica da classe adulta que será reestudada e apresentar alguns materiais de leitura educativos para crianças. Após mais um período de oração, às 11h, o pastor Eleomar Azeredo, encarregado da área Três Passos e supervisor de ensino daquela região, trouxe uma palavra baseada em Neemias capítulo 13, do versículo 23 em diante, falando sobre a importância de nos resguardarmos das impurezas do mundo e nos santificarmos continuamente, dia a dia buscando e nos renovando na presença de Deus, onde alcançaremos vitória certa. Chamou a atenção para o grande problema que havia se instalado entre os israelitas naquele tempo em Jerusalém: em virtude do casamento dos hebreus com mulheres dos povos pagãos, seus filhos falavam a linguagem dos povos pagãos e não a linguagem do povo de Deus. E isso estava quebrando a unidade da família, a unidade do povo, e formando uma geração distante de Deus e de Seu propósito. No encerramento, a irmã Ana Maria, líder do Pilar Infantil de Ottoneli, relatou um maravilhoso testemunho da ação de Deus na estruturação daquela área, pastoreada pelo seu esposo, e dirigiu a oração final.
Quando os irmãos voltaram para suas casas naquele dia, não era de mãos vazias: traziam consigo preciosos ensinamentos e voltavam renovados com a presença gloriosa de Jesus ardendo em seus corações, como uma chama que arde continuamente, e não se apagará.

Veja abaixo alguns registros do retiro.

About The Author

Related posts