IX CONGRESSO DE CLAMOR DA UF – SAIBA COMO FOI

IX CONGRESSO DE CLAMOR DA UF – SAIBA COMO FOI

No dia 29 de julho de 2017, último sábado, juntamente com a consagração mensal da União Feminina, ocorreu o IX Congresso de Clamor, organizado pelo Pilar de Oração do Departamento.

A igreja esteve lotada com irmãs de várias regiões gaúchas e também do Estado de Santa Catarina. Todas tiveram a oportunidade de adorar, louvar, agradecer e, é claro, clamar, orando por si próprias e pelos demais. “Então, me invocareis, passareis a orar a mim, e eu vos ouvirei.” (Jr 29.12)

Sob a direção da Dcª Rosangela Ourique e da Dcª Rosane Bottini, a consagração iniciou pela manhã com um período de oração. O coral de Cachoeirinha teve participação especial, assim como cantoras locais e o grupo de louvor da Sede. Ao longo do dia, houve vários períodos de clamor, em que temas como saúde, salvação, família e finanças foram levados diante do Deus Todo-Poderoso!

Na ocasião, a Superintendente da União Feminina, Dcª Gládis Machado, anunciou diversos eventos gerais que ocorrerão nos próximos meses:

– Vigília Geral da UF, no dia 12/08, na Sede Internacional;

– Escola da Mulher Obreira – EMOb – nos dias 12, 19 e 20/08/17, na Sede Internacional;

– Cruzada de Milagres, no dia 02/09, ao ar livre no Largo Glênio Peres, em frente ao Mercado Público.

Todas foram convidadas a clamar por estes eventos, especialmente pelo último, que será voltado para o evangelismo.

Um período especial do dia foi o momento do tão esperado “abraço” no quarteirão da igreja. A maior parte das guerreiras da União Feminina não perderam tempo e saíram, ainda que discretamente, clamando com todas as suas forças para Deus abençoar e salvar as almas que se encontram algemadas pelo inimigo. Simultaneamente, outro grupo de irmãs ficou no templo orando pelos seguintes objetivos: Heróis da Fé, Abrasce, Ramo da Videira, Ministério (Administrativo, Superintendências), Cruzada de Milagres e Congresso Infantil.

Ao retornarem à igreja, o ambiente era propício para a ministração da Palavra, feita pelo Pr. Sílvio Machado com base em Êxodo 3.1-10. O pregador salientou que Deus conhece o sofrimento do seu povo e ouve o seu clamor. Porém, as promessas que Ele tem para cada um também são conhecidas pelo inimigo, mas isso não deve assustar o crente. Pelo contrário, pois assim diz a palavra de Deus: “Tende por motivo de toda alegria o passardes por várias provações…” (Tg 1.2) Deus ouve o clamor do seu povo independente do seu tamanho de provação, pois está comprometido com os que buscam a Ele, e vai agir no tempo Dele. Ao crente, basta confiar, não desanimar nem parar de orar e clamar, pois, por meio do clamor, Deus muda a história!

O dia de clamor foi encerrado com centenas de mulheres diante do altar, clamando ao Senhor com a convicção de que seriam ouvidas! Com certeza, este foi mais um dia em que as orações dos santos chegaram diante de Deus como perfume suave e, no tempo certo, Ele irá atendê-las segundo a Sua perfeita vontade!

About The Author

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

X