POR QUE SOFREMOS?
POR QUE SOFREMOS?

POR QUE SOFREMOS?

“A paz de Deus, que ultrapassa todo o entendimento, guardará os vossos corações e os vossos sentimentos em Cristo Jesus.”  Filipenses 4.7

Ao chegar na cidade de Naim, Jesus viu um cortejo fúnebre. Junto ao caixão, vinha chorando a mãe do morto. Era viúva, e agora perdia seu filho único, ou seja, acabara de perder toda a família. Jesus se aproximou e lhe disse: “não chores”.

Seria Jesus tão insensível a ponto de dizer para alguém naquela situação que não chorasse?

É que Jesus sabe que a maior causa do sofrimento não é o problema em si, mas o efeito que ele causa em nossa alma.

Pessoas, na mesma situação, têm graus de sofrimentos diferentes, dependendo da situação interior e da forma como encaram o problema.

Por isso, antes de resolver o problema externo (a morte), Jesus curou interiormente aquela mulher: “não chores”. Depois, tocou o esquife, ressuscitou o menino e o entregou à sua mãe.

Talvez você esteja sofrendo a dor da perda de um amor, um parente, um bem ou uma oportunidade. Pensa que a solução é a reconquista do que perdeu. Nem sempre é assim. Às vezes, a perda não foi perda: foi a libertação de algo que estava lhe impedindo de receber o que Deus tem para você.

Entrega teu coração a Cristo. Ele vai primeiro curar o teu interior, restaurar as tuas emoções e, após, resolverá a situação exterior, do modo dEle.

About The Author

Pr. Humberto Schimitt Vieira

Presidente da Igreja Pentecostal Assembleia de Deus Ministério Restauração, no Brasil, e do “Restoration Ministries”, nos Estados Unidos da América. Bacharel em Teologia, é conferencista, editor, professor de Missiologia e autor de diversos livros

Related posts

X