RETIRO GERAL DE JOVENS 2016 ENCERRA DEBAIXO DA GLÓRIA DE DEUS! A CORRIDA AGORA É “CONTRA CAVALOS”

RETIRO GERAL DE JOVENS 2016 ENCERRA DEBAIXO DA GLÓRIA DE DEUS! A CORRIDA AGORA É “CONTRA CAVALOS”

No último dia do Retiro Geral 2016, a Geração Eleita chegou ao templo para mais um dia de oração e jejum sedenta por mais de Deus. Em unidade, todos clamaram ao Pai no início da manhã de segunda-feira, certos de que o Deus Todo Poderoso os recompensaria com a Sua glória. No momento do louvor, a Juventude Restauração proclamou: “Que Ele cresça”, declarando que não é nada diante da presença do Criador.

Louvou ao Senhor a irmã Marta Pedroso, da Sub-Região Sudeste, que adorou ao Senhor reconhecendo que Ele é Santo! O Pb. Rafael Pacheco foi o preletor do período da manhã deste último dia do evento. Após fazer menção bíblica em Apocalipse 1.15,17, explanou que, assim como João viu os pés de Jesus como um espelho, por ser de bronze polido, muitos homens na Bíblia também se viram como um espelho em Cristo. É preciso, porém, se atentar ao fato de que a imagem refletida por Cristo é uma imagem pura e limpa, na qual não há espaço para nossos pecados e vaidades. Enquanto não desmancharmos as “estátuas” e a “imagem idealizada” de nossos corações, ocupando o espaço do espelho de Jesus, o Espírito Santo não terá o domínio de nossas vidas. Não importa a situação que enfrentamos, ao chegarmos aos pés de Cristo, Ele é capaz de transformar a imagem que pintamos de nós mesmo, abrir nossos “sepulcros” e colocar diante de nossos olhos o Seu espelho.

Depois de um curto intervalo, a juventude retornou para o último culto do evento. Mesmo sob um calor de aproximadamente 40ºC a Geração Eleita permaneceu inabalável, dedicando ao Senhor o melhor de si em louvor e adoração, tendo ciência de que é dependente do Senhor. O Ev. Rodrigo Tavares realizou uma oração por toda a equipe organizacional do Retiro, em agradecimento a Deus por cada irmão e irmã que se disponibilizou a fazer a obra do Senhor.

A última mensagem do evento foi ministrada pelo Pr. Plauto Vanzin, de Cachoeirinha/RS. Baseado em I Samuel 14.6-10, o pastor abordou um episódio muito marcante para os filhos de Israel, no qual Jônatas assentou em seu coração um projeto revelado por Deus. Infiltrado em meio ao exército dos filisteus, Jônatas dependeu de Deus a todo o momento e creu que este Deus lhe proveria o escape necessário. O escudeiro de Jônatas aderiu ao plano que Deus deu, foi firme e absorveu a revelação do Senhor. O pregador frisou que, para o projeto que Deus tem em nossas vidas se cumprir, devemos estar atentos e avançarmos em direção ao inimigo utilizando as estratégias que o Senhor nos dá. Por uma direção de Deus, o pastor convocou o Superintendente da Juventude, Ev. Rodrigo Tavares, e toda a liderança para formarem um grande exército e irem de encontro aos “filisteus”, da mesma forma que Deus ordenou a Jônatas e seus escudeiros. Aleluia! Um grande exército de escudeiros marchou de joelhos após o Ev. Rodrigo Tavares, e a glória do Senhor invadiu o Centro Humanístico Vida de uma maneira completamente extraordinária. A liderança da Geração Eleita foi cheia da glória do Senhor de forma inexplicável, de maneira que não conseguiam suportar o poder do Altíssimo.

E desta maneira terminou o Retiro Geral 2016: em meio a um oceano de glória! Mesmo que procurássemos todos os adjetivos, não seria possível descrever tudo o que o Espírito Santo nos proporcionou nesses três dias. Quase 2000 mil jovens retornaram para suas casas com suas vidas transformadas e dispostos a “competirem com cavalos”.

Em nossa miséria diante de um Deus tão grande e indescritível, apenas O adoramos e O exaltamos por confiar a nós um pouco da Sua glória transformadora. Obrigado, Deus, por todas essas coisas!

Quanto a você, que por algum motivo não quis ou não pôde comparecer a esta festa espiritual, tens a oportunidade de estar conosco no próximo grande encontro: Retiro Geral 2017. Não perca a oportunidade de estar com o Senhor!

E aos que participaram, que possamos manter acesa essa chama que está ardendo em nossos corações: não simplesmente acompanhar aqueles que vão a pé, mas sim competir com os que “correm como cavalos”. Aleluia! Que toda palavra que saiu da boca dos servos do Senhor esteja em nossa lembrança a cada dia. Deus abençoe!

About The Author

Related posts

X