JUVENTUDE DE GRAVATAÍ/RS REMINDO O TEMPO…

JUVENTUDE DE GRAVATAÍ/RS REMINDO O TEMPO…

“Aproveitando ao máximo cada oportunidade, porque os dias são maus.” (Efésios 5.16).

Foi baseada no versículo acima que a Juventude Restauração da Área Gravataí/RS realizou mais um retiro, nos dias 30 de setembro e 1º de outubro, na cidade de Bom Retiro do Sul/RS.

Na noite do dia 29 (sexta-feira), os jovens, contentes, reuniram-se e, enquanto deslocavam-se até a casa de retiros, já aproveitavam a oportunidade para começarem a buscar a Deus.

No sábado pela manhã, a juventude realizou um momento de clamor, e a glória de Deus já se manifestou, impactando todos os jovens presentes. Na sequência, a juventude aprendeu que “para ter fogo, deve-se ter lenha genuína, e não palha: devemos SER e não TER”, durante a ministração feita pelo Ev. Onofre Rafael Carpes, encarregado da Área Glória, de Porto Alegre/RS. O preletor ainda enfatizou que o jovem crente precisa ter estrutura espiritual para permanecer no que Deus prometeu para cada um, mencionando exemplos bíblicos como o do Rei Davi e de Nabote. Durante o estudo, o fogo do Espírito Santo foi acesso, incendiando a cada jovem. Logo depois da ministração para todos os jovens, moços e moças também tiveram ministrações separados: a irmã Claire Carpes ministrou para as moças, e o Ev. Onofre Rafael, para os moços.

O líder de jovens da Área Gravataí/RS, Pb. Josiel Arruda, falou sobre o tema do retiro, destacando o quanto é importante que o jovem faça bom uso do tempo em todas as oportunidades recebidas.

Na noite de sábado, a juventude deslocou-se até a cidade de Tabaí para cultuar ao Deus Todo Poderoso. Na ocasião, ministrou a Palavra do Senhor a jovem Silvana Borges. Com base em 1 Samuel, falou sobre os filhos de Eli, que estavam dentro do templo, foram consagrados como sacerdotes, porém não obedeciam a Deus e, assim, desperdiçaram a oportunidade de buscar ao Senhor verdadeiramente, traçando um paralelo com a vida de Samuel, que foi também criado com Eli, mas fez a diferença e conseguiu ouvir a voz de Deus. “Quem nós somos? Como os filhos de Eli, ou como o moço Samuel? Deus é quem te conhece verdadeiramente!” – com essa reflexão, o Espírito Santo tocou a cada jovem de forma sobrenatural.

No domingo, o fogo permanecia acesso: desde cedo, os jovens se colocaram em oração e adoração a Deus. Após um breve período administrativo, o Pr. Josué Hoffmann, encarregado da Área, pregou a Palavra de Deus, quando ressaltou o exemplo de jovens como Sansão, Davi e Eliseu, para mostrar que, ainda que o moço e a moça sejam escolhidos por Deus desde o ventre de suas mães, é o que está em seus corações que determinará como será o seu futuro na presença do Senhor. Para que a juventude pudesse refletir, o pastor perguntou: “O que está no seu coração?… É o mesmo que está no coração de Deus? O que você ama é o que Deus ama?”

A juventude retornou à cidade de Gravataí para o culto de encerramento do retiro, que foi realizado na Sede da Área, impactada pela glória de Deus. No transcorrer do culto, além do coral de jovens da Área, cooperou também no louvor o jovem Danilo Bottini, de Porto Alegre/RS. O fogo do Espírito Santo aquecia cada vez mais! O irmão Nilo Bottini, também de Porto Alegre/RS, ministrou a Palavra de Deus, fazendo um paralelo entre a vida de Davi e a vida de Saul, dois homens que, embora fossem chamados e ungidos por Deus, também pecaram. Quando, porém, foram repreendidos, manifestou-se a diferença entre eles: o rei Saul não reconheceu seu pecado, mas o rei Davi foi para os pés do Senhor, reconheceu suas misérias e implorou “não retires de mim o teu Espírito”.

Agradecidos pelo agir de Jesus Cristo em cada instante do retiro, a Juventude Restauração de Gravataí louva a Deus por mais uma oportunidade de poder remir o tempo buscando a vontade do Senhor!

 

About The Author

Equipe de comunicação da Igreja Pentecostal Assembleia de Deus - Ministério Restauração.

Related posts

X