JUVENTUDE DE CACHOEIRINHA/RS É IMPACTADA EM MAIS UM RETIRO

JUVENTUDE DE CACHOEIRINHA/RS É IMPACTADA EM MAIS UM RETIRO

Os dias 28 e 29 de julho foram marcantes para todos os jovens da Área Cachoeirinha que estiveram reunidos em Bom Retiro do Sul, buscando a face do Senhor.

O sábado começou com oração, humilhação e quebrantamento, estendendo-se até parte da tarde, quando houve um momento de oração em círculos com um forte mover de Deus enchendo e fortalecendo cada jovem!

O tema do retiro, sugerido pelo líder da Área, Dc. Alex dos Santos, foi baseado em Marcos 13.37 – “E disse: vigiai!” -, trazendo a cada jovem a reflexão de estarem vigilantes em tudo!

Ministrou a Palavra do Senhor, no sábado à tarde, o Pr. Adriano Licidônio, Superintendente de Música do Ministério Restauração e Co-Pastor da Sede Internacional, falando sobre a passagem de II Reis 4.4, a respeito da ordem de Deus: “Então, entra, e fecha a porta sobre ti”. A cena era de uma viúva desesperada, de vasilhas vazias, e uma botija cheia de azeite. Pessoas haviam chegado no retiro vazias, desesperadas, mas ainda restava uma esperança, porque uma botija estava cheia de azeite. Mas faltava o principal ainda: “fechar a porta”. Quando a porta das coisas que eram externas ao retiro se fechou, todos foram cheios da glória do Senhor!

Ainda no sábado à tarde, foi feita a separação do Aux. Silas Gomes como segundo líder de jovens da Área Cachoeirinha. Logo após, no louvor, o grupo de moças da Área e todos os grupos das congregações tiveram oportunidade de adorar ao Senhor.

No culto da noite, esteve com a oportunidade de trazer a Palavra de Deus o Ev. Lucas Esteves, da Área Gravataí/RS, que, na ocasião, relatou diversas experiências e testemunhos do tempo em que liderou o trabalho de jovens de sua Área. Passando por alguns versículos do livro de Êxodo, foi relatando a saída do povo de Israel das terras do Egito. Salientou que, embora salvos das mãos de Faraó, antes de chegar a Terra prometida teriam que atravessar o deserto, pois o povo estava a salvo, mas ainda não libertos. “O deserto significa lugar de libertação, de transformação, de mudanças… Muitos pensam estar salvos, mas precisam também estar libertos”, enfatizou o pregador.

E Deus surpreendeu a todos derramando mais uma vez da Sua glória, fazendo com que muitos jovens permanecessem na presença do Senhor até o início da madrugada. Houve muitas maravilhas do Senhor!

O encerramento, no domingo, foi marcado pela Palavra. Com base no tema do retiro, Mc 13.37, o Pr. Carlos Almeida, de Cachoeirinha/RS, falou sobre a necessidade de se dar ênfase à vida espiritual, mas não deixar de se estar alerta e vigilante em todas as áreas da vida.

A juventude de Cachoeirinha agradece a Deus por proporcionar momentos marcantes e de experiências novas: tudo para honra e glória do Senhor!

About The Author

Related posts

X